terça-feira, 28 de junho de 2005

Mentiras

Não há ninguém que não tenha já mentido... mentiras piedosas, tolas, apenas porque sim... Não me refiro a mentiras pejorativas ou com o intuito pre definido de magoar/prejudicar alguém... que essas nem dignas são de comentário de tão baixas são.
Ontem menti a alguém que amo muito. Não menti para prejudicar, nem sequer menti com o intuito de ocultar uma acção... Numa situação em que o resultado era o mesmo... não contei os entremeios porque achei que não interessavam as trocas e baldrocas. Uma mentira que se não soubesses não te prejudicava, mas porque a soubeste te magoou.
Uma mentira é sempre uma mentira. Tens razão e peço-te desculpa

Sem comentários:

Enviar um comentário